© 2020 por União Feminina Missionária Batista do Brasil

(21) 2570.2848 | 0800.703.2848

Buscar
  • UFMBB

22/03 - Adoração bíblica

“Jesus respondeu: 'Está escrito: 'Adore o Senhor, o seu Deus, e só a ele preste culto'" (v.8).

Lucas 4.5-8 – 202 CC

O culto implica serviço, termo usado 90 vezes no Antigo Testamento. Paulo emprega esse termo no sentido de “culto”, “serviço religioso”, para descrever o corpo entregue a Deus como sacrifício vivo, santo e agradável (Rm 12.1). Também pode significar “atos de reverência”. A adoração requer uma reverente preocupação com o que agrada a Deus. A adoração em espírito e em verdade (Jo 4.24) exige o temor a Deus e deve ser acompanhada da pureza exterior: “... purifiquemo-nos de toda impureza, tanto da carne como do espírito, aperfeiçoando a nossa santidade no temor a Deus” (2Co 7.1). Se um culto realizado não tem o objetivo fundamental de tornar Deus real e pessoal, é feno e palha, não edifica os participantes nem exalta o Senhor. Russell Shedd enfatiza que “mais do que inútil é o culto que desconhece aquele a quem devemos submissão e lealdade”. Paulo afirmou que a verdadeira adoração é aquela que se oferece a Deus pelo Espírito, não confiando na carne, mas gloriando-se em Cristo Jesus (Fp 3.3). A essência da adoração é o amor. É totalmente impossível adorar a Deus sem amá-lo. E Deus nunca se satisfez com menos que “tudo”: “Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento” (Mt 22.37).


O contato real e permanente com Deus não deixa de ter seus reflexos na vida daquele que cultua.


Autora: Adriana Cordeiro


Acesse www.ufmbb.org.br e se siga conectado a UFMBB!

@ufmbbrasil - https://www.instagram.com/ufmbbrasil/



17 visualizações